segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Galeria dos Mártires - Enrique Álvarez Córdoba e Companheiros

ENRIQUE ÁLVAREZ CÓRDOBA, MANUEL FRANCO, JUAN CHACÓN, HUMBERTO MENDONZA, ENRIQUE ESCOBAR BARRADA e DOROTEO HERNÁNDEZ
Mártires da Justiça e da Solidariedade
EL SALVADOR * 27/11/1980

Dirigentes da Frente Democrática Revolucionária de El Salvador. 

Capturados numa operação do exército, na qual participaram mais de 200 efetivos fortemente armados, quando se dispunham a dar uma entrevista à imprensa no Escritórios da Assistência Jurídica, o Colégio Externato São José, da Companhia de Jesus.

Seus cadáveres apareceram durante os dias 27 e 28 com sinais de estrangulamento, mutilações e perfurações de balas no crânio.

Foram assassinados porque defendiam os interesses do povo, diariamente massacrados pela fome, tortura e balas, e porque eram o símbolo de um anseio de libertação.

Seus corpos foram velados na catedral e enterrados em sua cripta. 

Em 2009, o presidente Mauricio Funes, o primeiro presidente eleito como candidato de um partido de esquerda em El Salvador, nomeado Centro Nacional de Tecnologia Agrícola (CENTA), uma agência governamental de assistência técnica aos agricultores, com o nome de "Enrique Álvarez Córdoba" em homenagem à memória desse líder político. 

Nesse mesmo ano, o acadêmico John Lamperti publicou uma biografia de Álvarez Córdova intitulado "A vida de um salvadorenho revolucionário e cavalheiro".

Texto elaborado por Tonny, da Irmandade dos Mártires da Caminhada,
a partir de pesquisa na internet e livros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário